Google+ Followers

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Um perfume de violetas




Empenhado em subjugar os ferozes Zulus, o exército inglês invadiu a Zululândia  (Reino Zulu) em 1879. A campanha começou mal, com o aniquilamento completo de uma coluna britãnica em Isandhlwana.


The Zulus attack the British Camp at Isandlwana



Como reforço foram rápidamente  enviadas tropas de Inglaterra, nas quais seguiu incorporado o príncipe imperial de França filho único do exilado Napoleão III  e da antiga imperatriz Eugénia.

O jovem príncipe estritamente proíbido de correr riscos desnecessários, foi autorizado a incorporar-se numa coluna de vanguarda.


 
Ao cair numa emboscada armada pelos Zulus, o cavalo do príncipe encabritou-se e arremessou-o ao chão. Os Zulos aproximaram-se com as lanças em riste, e mataram o príncipe e os dois oficiais que o acompanhavam. 

No dia seguinte os três foram sepultados juntos.

Um ano depois a raínha Vitória autorizou Eugénia a visitar a Zululãndia  (Reino Zulu) e a recuperar o corpo do filho.

A erva e os arbustos que cobriam o monte de pedras que assinalava a sepultura dificultavam a sua localização . De repente Eugénia exclamou: «Cheira-me a violetas - foram sempre a sua flor preferida». E correu sem qualquer hesitação até um determinado ponto, descobrindo de facto a sepultura do filho.

Teria a imperatriz sido guiada pelo além túmulo?

                                                                              
                                             

Filho do Imperador Napoleão lll e da Imperatriz Eugénia de Montijo de origem espanhola, Napoleão Eugénio Luís João José Bonaparte, foi príncipe imperial de França sendo o herdeiro do trono, até 1871, quando foi proclamada a República .
De muito boa aparência e de  esmerada educação foi no seu tempo assediado por vários monarcas europeus  que desejavam negociar casamentos para as suas filhas.

Nasceu em Paris em 1856 e morreu na África do Sul, em 1879 .





Dizia-se que o príncipe estaria sentimentalmente unido à princesa Beatriz do Reino Unido o que explicaria a participação dele nas batalhas que os ingleses travavam nas suas colónias

                                                          


                                                                       ¸.•*¨✿         





1 comentário :

  1. Linda historia e o cheirinho a Violetas, obrigada por novamente ter encontrado teu blog bom dia por aqui chove!

    ResponderEliminar