Google+ Followers

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Contra a Trovoada



Santa Bárbara Virgem se vestiu e calçou,
pelo caminho do Senhor andou;
encontrou o Senhor, e o Senhor lhe perguntou:
- O Bárbara, tu onde vais?
- Ó Senhor, eu ao Céu vou
desmanchar a trovoada
que vós lá tendes armada.
- Pois vai, Barbara, e bota-a ao monte maninho,
onde não haja pão nem vinho,
nem abafo de menino,
nem raminho de oliveira,
nem pedrinha de sal,
nem coisa a que faça mal.


POPULAR

 Do meu Livro do 1º ano do liceu 1952



2 comentários :

  1. Cresci a ouvir a minha mãe e vizinhas, a rezarem a Santa Bárbara quando havia trovoada...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estas coisas estão já um pouco fora de propósito, no Tempo...
      mas a função deste blog, é lembrar quem já esqueceu, e dar a conhecer a quem, nunca aprendeu.. Afinal que seria de nós sem o que temos para trás! Obrigada amiga!!

      Eliminar