Google+ Followers

domingo, 25 de dezembro de 2016

A origem do Natal


O Natal e a Páscoa as principais festas do calendário cristão,  tiveram a sua origem na superstição e nos rituais pagãos  séculos antes do nascimento de Cristo.
Só no século lV o dia 25 de Dezembro foi definitivamente fixado como  festa da Natividade, porque o hábito pagão de que derivavam os hábitos cristãos se realizava por volta dessa data.Até então  era a festa do Solstício de inverno, uma combinação  do Festival escandinavo de Yule  e das Saturnais dos romanos

Uma semana de festins

Os festejos romanos prolongavam-se por sete dias e constituiam uma ocasião para troca de presentes - hábito pagão incorporado no Natal.
 Mesmo os mais acérrimos defensores não logravam erradicar a noção de que os Saturnais eram época de diversão


Os romanos costumavam trocar de papel com os seus escravos que elegiam o seu próprio "rei" para a festividade o qual presidia a um grande banquete a que o amo o servia com todas as honras assim como a todos os seus companheiros de escravidão.
No final da ceia os escravos- rei  eram conduzidos para o anfiteatro, onde eram executados


Em Inglaterra há  um hábito semelhante nas forças armadas inglesas em que os oficiais seguindo a tradição romana servem a ceia de Natal na messe aos soldados.


Quando invadiram a Inglaterra em 1066 os Normandos introduziram nas festividades natalícias um rei fantoche com o  nome  Lord da Confusão cuja missão era garantir a realização das festividades segundo os velhos métodos pagãos.




Árvores de Natal e velas, são tradições escandinavas ; eram símbolos de fogo e da luz que aliviavam os homens do frio e das trevas do inverno nórdico .


Séculos depois e com a implantação do cristianismo surgiram as canções e os autos de Natal
E o Pai Natal substituiu  Lord Confusão no seu  traje vermelho como  S. Nicolau o santo patrono das crianças



* Saturnais
Nome de uma festa da Roma antiga em honra de Saturno, o deus romano das colheitas. A festa começava a 17 de Dezembro e durava sete dias.


*Festival  de Yule
É uma comemoração do norte da Europa pré-cristã. Os germanicos celebravam o Yule desde o final de Dezembro ao primeiro dia de Janeiro, abrangendo o solstício de inverno.


2 comentários :

  1. Ja me ia deitar, mas vim te espreitar e li sobre o Natal, fiquei com mais conhecimentos desta quadra que acho tao triste... Mas olha gostei muito de te ler, um beijinho que tenhas um bom ano!

    ResponderEliminar